Quem visitar o Planetário Calouste Gulbenkian de oito a 18 de dezembro recebe um bilhete para ir ao Oceanário de Lisboa ver a exposição permanente de dois a 31 de janeiro do próximo ano.

“As duas instituições reconhecem a importância da valorização das incríveis condições de vida que o planeta Terra apresenta e que têm como base a forma como os oceanos e os astros se relacionam”, assegura João Falcato, administrador do Oceanário de Lisboa. Por isso, pretendem envolver o público na exploração do universo e despertar o interesse pelos fenómenos marinhos.

No Planetário espera-se conhecer o cosmo, as galáxias e os corpos celetes. Desde sessões planetárias, como O Mistério da Bola de Fogo ou a Viagem ao Buraco Negro, até às exposições temporárias e permanentes, tudo é possível no universo da astronomia.

A exposição permanente do Oceanário é constituída por um aquário central com 5 milhões de litros de água salgada e quatro habitats marinhos que criam a ilusão de estarmos perante um só aquário e um só oceano. Para além disso, da vida terrestre à subaquática, atravessam-se as águas temperadas, tropicais e frias dos diferentes oceanos do planeta. Aves, invertebrados, peixes, anfíbios, mamíferos, plantas e algas.

planetário-oceanário

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s